1.239. Patrimônio cultural e a institucionalização da memória coletiva no Brasil

Magno Vasconcelos Pereira Junior

Resumen


Este artigo estuda o conceito sobre patrimônio cultural na tentativa de entender como ocorre o processo sobre a proteção dos bens considerados de valor excepcional. A contextualização do tema leva ao estudo do patrimônio cultural no Brasil que é abordado através da pesquisa sobre o principal órgão responsável pela proteção e identificação dos bens, que iniciou-se em 1936 como Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (SPHAN). A análise deste primeiro órgão nacional e sua evolução tem a finalidade de entender a institucionalização da memória coletiva no país.

Palabras clave


Patrimônio, patrimônio cultural, institucionalização.

Texto completo:

PDF (Português)

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2018 Biblio3W Revista Bibliográfica de Geografía y Ciencias Sociales

RCUB revistesub@ub.edu Avís Legal RCUB Universitat de Barcelona