Olimpíadas, choque de ordem e limpeza social no Rio de Janeiro. Algumas resistências em curso.

Gerardo Silva

Resumen


O artigo aborda aspectos da dinâmica institucional do projeto das Olimpíadas no Rio de Janeiro que atingem diretamente às populações mais desfavorecidas. O foco são as alternativas de resistência que começam a se esboçar, porém que ainda precisam ganhar fôlego. Constituem objeto de análise, o Informe da Relatoria Especial da ONU, a Carta ao COI da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro e a situação atual dos movimentos sociais.

Texto completo:

HTML (Português)

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Copyright (c) 2010 Biblio3W Revista Bibliográfica de Geografía y Ciencias Sociales

RCUB revistesub@ub.edu Avís Legal RCUB Universitat de Barcelona