Estado e rede de transportes em Goiás-Brasil (1889-1950)

Denis Castilho

Resumen


No final do século XIX o povoamento em Goiás era disperso e as localidades forjadas por restritas relações com outros espaços do país. Criar as condições para que a fronteira econômica nacional alcançasse as terras goianas significava que a criação de um Estado e a constituição de um marco legal deveria ser acompanhada por uma infraestrutura que permitisse a ligação entre diferentes espaços produtivos e de consumo. As redes de transportes, nesse sentido, foram importantes meios para a conexão de Goiás com outros espaços do país, especialmente com o sudeste brasileiro. Este trabalho analisa essas questões no sentido de evidenciar a relação entre política e técnica na formação da estrada de ferro em Goiás. Para tanto, abordamos as concepções de Estado e seu papel na formação do espaço goiano, analisamos a relação entre política, economia e atores sociais e o modo como a ferrovia influenciou a organização do espaço goiano na primeira metade do século XX.

Texto completo:

HTML (Português)


Copyright (c)

RCUB RCUB Declaració ètica Avís Legal Centre de Recursos per a l'Aprenentatge i la Investigació Universitat de Barcelona