Uma análise da violência institucional contra meninas e mulheres vítimas de estupro pelo sistema de justiça criminal

Ana Sabadell, Paloma Muniz

Resumen


O presente artigo visa a estudar a revitimização de meninas e mulheres vítimas de estupro levada a efeito por meio do funcionamento machista das instituições de justiça. Para tal, partiremos da análise de três acórdãos de tribunais de justiça estaduais selecionados como exemplo da reprodução do discurso patriarcal por essas instituições, apontando alguns dos modos pelo qual a mentalidade patriarcal transparece em seu conteúdo. Desse modo, pretendemos trazer luz a algumas formas de atuação do chamado “patriarcalismo jurídico” e dos mecanismos violentos pelo qual o judiciário (re)produz valores patriarcais.


Texto completo:

PDF

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


OSPDH - Universidad de Barcelona - Av. Diagonal , 684 Despacho 1, Aula 23, 08034 - Barcelona Telf.: +34 934039672 Fax.: +34 934021067

Si no se indica lo contrario, todos los contenidos de esta revista están bajo licencia Licencia Creative Commons

RCUB revistesub@ub.edu Avís Legal RCUB Universitat de Barcelona