Três momentos da urbanização turística: estado, mercado e desenvolvimento regional no Nordeste brasileiro, 1997-2007

Alexsandro Ferreira Cardoso da Silva, Angela Lúcia de Araújo Ferreira

Resumen


As atividades ligadas ao setor “imobiliário – turístico” passaram, nos dez últimos anos, a desempenhar relevância não apenas econômica, mas principalmente em relação aos impactos territoriais, sociais e ambientais nas áreas litorâneas do Nordeste brasileiro. Este período pode ser dividido em três momentos específicos: um primeiro relativo ao papel das políticas públicas na implantação de uma infra-estrutura urbana voltada à promoção do turismo, um segundo onde as estratégias do mercado imobiliário foram modificadas pela entrada de capital estrangeiro e um recente momento que marca uma tentativa de controle estatal da produção do território onde os planos de desenvolvimento regional voltam a ser discutidos para a região. O presente trabalho pretende demarcar os condicionantes econômicos e sociais envolvidos nas três fases, relacionar a presença do capital estrangeiro e seus impactos territoriais e, por fim, indicar na atual fase os possíveis riscos e oportunidades da proposta de desenvolvimento regional, colocada às áreas turísticas litorâneas do Nordeste.

Texto completo:

HTML (Português)


Copyright (c)

RCUB revistesub@ub.edu Avís Legal RCUB Universitat de Barcelona